Síndrome da Fragilidade e suas especificações

A Síndrome da Fragilidade é uma condição genética e de origem neuroendócrina, que gera maior vulnerabilidade às doenças ou estresses agudos nos idosos, e é caracterizada por massa e força muscular reduzida e baixa energia para as atividades do dia a dia.

Sintomas da Síndrome da Fragilidade

Dentre os sintomas existentes, os mais comuns são perda involuntária de peso, fraqueza, redução da velocidade de marcha e exaustão.

Quando esses sinais surgem no corpo, é quando acontecem posteriormente algumas outras reações adversas, como queda, hospitalização e até mesmo declínio funcional e morte.

Ao idoso apresentar essa condição, também é influenciado pelas doenças crônicas que já tem, tornando-o ainda mais vulnerável e com maior dificuldade.

Tratamento da Síndrome da Fragilidade

Ainda hoje, não há uma abordagem terapêutica específica definida para tratar a Síndrome da Fragilidade como um todo, entretanto, exercícios físicos seguem como uma das melhores opções, realizados por fisioterapeutas especializados em gerontologia, a fim de aumentar a massa muscular.

Além do mais, também a administração de suplementos alimentares, a fim de amenizar a perda de massa magra.