Menu

SBGG estabelece parceria com rede americana para troca de conhecimentos sobre delirium entre idosos

SBGG estabelece parceria com rede americana para troca de conhecimentos sobre delirium entre idosos

A Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia (SBGG) firmou compromisso mútuo com o NIDUS (Network for Investigation of Delirium – Unifying Scientists), rede multidisciplinar e colaborativa dedicada à aceleração de descobertas científicas em pesquisas sobre delirium, alteração neurológica que acomete pessoas idosas.

Segundo o Dr. Renato Bandeira, diretor científico da SBGG e responsável por realizar a reunião online, durante o GeriatRio, com o Dr. Andrew Auerbach, da NIDUS e também da Universidade da Califórnia em São Francisco, no Estados Unidos, a colaboração visa intensificar os esforços para disseminar conhecimentos, reunir pesquisadores e alavancar o avanço científico global sobre a condição de saúde frequente e de grande impacto na saúde e qualidade de vida do idoso.

“Parcerias como essa podem auxiliar no desenvolvimento de pesquisas sobre envelhecimento no Brasil, principalmente, em cenários clínicos ainda pouco difundidos em nosso país. O NIDUS, além de compartilhar conhecimentos sobre delirium e dar suporte metodológico para projetos na área através de seu portal, pode propiciar fomentos internacionais através de editais próprios. Estamos muito empolgados”, diz Bandeira.

Na prática, o diretor científico explica que a SBGG terá como compromisso divulgar os materiais da NIDUS em troca de aulas gravadas e webconferências a serem disponibilizadas na plataforma da Sociedade.

Delirium – é uma perturbação súbita, flutuante e na maioria das vezes reversível da função mental, que, normalmente, atinge a população idosa. Caracterizado por uma incapacidade de prestar atenção, desorientação, incapacidade de pensar com clareza e flutuações do nível de consciência, o delirium pode ser causado por diversas doenças, medicamentos e intoxicações.