Instruções

Instruções originais para o público leigo:

“Cartas na Mesa” (Go Wish®) permite que você fale das coisas que são mais importantes para você de uma maneira fácil e lúdica. As cartas ajudam você a encontrar as palavras certas sobre suas vontades em uma situação em que a sua vida esteja chegando ao fim em decorrência de uma doença grave. Outra possibilidade é jogar com seus familiares ou amigos para descobrir como cuidar dos seus entes queridos quando eles mais precisarem de você. “Cartas na Mesa” pode ser jogado por uma, duas ou mais pessoas.

Cada baralho tem 36 cartas. Trinta e cinco descrevem vontades frequentes de pessoas que estão muito doentes ou morrendo. As cartas sugerem como as pessoas desejam ser tratadas, quem elas querem perto de si e o que importa para elas. Uma carta é coringa. Você pode usá-la para expressar algo que você queira e que não esteja mencionado nas outras cartas.

Como jogar:

Cartas na Mesa – Paciência:

Essa é uma boa maneira de explorar o que é importante para você e por quais motivos.

  1. Leia todas as 36 cartas. Separe-as em três montes:
    • Muito importante para mim
    • Mais ou menos importante para mim
    • Não importante para mim

OBSERVAÇÃO: colocar uma carta no monte “não importante” não quer dizer que você não se importe com o que está escrito nela – pode significar algo que já foi resolvido. Por exemplo, se a sua vida financeira estiver em ordem, organizar suas finanças pode não estar mais entre as suas prioridades.

  1. Você pode usar o coringa para expressar uma vontade especial que não esteja contemplada em nenhuma outra carta. Por exemplo: “eu quero tomar sorvete de creme” ou “cuide da minha depilação”. O coringa pode ir para qualquer um dos três montes.
  1. Quando você já tiver separado as cartas nos três montes, examine o “muito importante”. Escolha desse monte as 10 cartas mais importantes para você. Se você ainda não tiver 10 cartas no seu monte “muito importante”, selecione mais algumas do “mais ou menos importante”. Se você tiver mais do que 10 cartas no “muito importante”, reavalie essas cartas e coloque algumas delas nos outros montes até que restem somente 10 cartas no “muito importante”.
  1. Classifique as suas 10 cartas “muito importantes”, colocando a mais importante no topo do monte e as demais na sequência. Essas são as suas 10 principais vontades.
  1. Pense sobre como você justificaria suas 10 principais vontades a seus familiares e amigos. Considere seu monte “não importante” e como você explicaria a seus familiares e amigos o porquê de essas vontades não serem importantes para você. Em seguida, converse com eles sobre suas decisões. Isso demanda tempo.

 

Cartas na Mesa – Duplas:

Essa é uma boa maneira de jogar com alguém que possa vir a ser seu procurador de saúde, que é a pessoa que você designa para representá-lo caso você se encontre em uma situação em que não consiga expressar suas vontades. É muito importante que essa pessoa conheça suas preferências. A melhor forma de jogar é com dois baralhos. Você será o jogador A e o seu procurador de saúde será o jogador B.

  1. Cada jogador lê todas as 36 cartas.
    • O jogador A separa as cartas em três montes:
      • Muito importante para mim
      • Mais ou menos importante para mim
      • Não importante para mim
    • O jogador B separa as cartas em três montes:
      • Muito importante para o jogador A
      • Mais ou menos importante para o jogador A
      • Não importante para o jogador A
  1. Os dois jogadores seguem procedimento semelhante àquele da modalidade Paciência até que cada um deles tenha 10 cartas no monte “muito importante”, colocando a mais importante no topo, seguida das demais. A partir daí, comparam as cartas de cada monte que eles separaram.
  1. Os dois jogadores conversam sobre as diferenças na classificação das cartas. Explicam suas escolhas. É fundamental que o jogador B entenda as vontades do jogador A.

baralho-azul

Retornar a SBGG

iTarget

iTarget