Se esse é seu primeiro acesso, clique aqui. Esqueci minha senha

08/08 – Dia Nacional do Combate ao Colesterol

08/08/2016

dia nacional colesterolManutenção do colesterol em idosos começa na juventude

Morbidade e mortalidade na velhice podem ser combatidas desde o início do processo de envelhecimento no organismo, esclarece SBGG

Estabelecer hábitos de vida que incluem a prática regular de exercícios físicos associados a uma alimentação rica em nutrientes e com baixa ingestão de gordura saturada desde a juventude e ao longo das fases adulta e no decorrer da velhice. Estas são algumas das medidas recomendadas pela Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia (SBGG) como estratégia de manutenção do colesterol no organismo dos idosos. No Brasil, a preocupação com o problema levou o país a instituir o Dia Nacional do Combate ao Colesterol, celebrado na segunda-feira, dia 8 de agosto.

Para o presidente da SBGG, o médico geriatra José Elias Pinheiro, os impactos podem ser prevenidos antes dos 60 anos. “Não se deve esperar alcançar a velhice para começar a cuidar do colesterol e demais aspectos ligados à saúde”, relata.

Pinheiro explica que o colesterol – pertencente ao grupo dos lipídios -, auxilia no bom funcionamento do organismo. Entretanto, esclarece que, em índices altos, torna-se um vilão, especialmente nas pessoas acima de 60 anos, por representar alto fator de risco para ocorrência de doenças cardiovasculares, que são consideradas maior causa de mortalidade e morbidade na velhice.

Há dois tipos de colesterol existentes: o HDL, considerado “colesterol bom”, e LDL, denominado de “colesterol ruim”. Cada grupo pode contribuir para a redução ou aumento dos índices. Quando em desequilíbrio no organismo, o colesterol torna-se fator de risco vascular, e aumenta a incidência de AVC, de morte súbita e doença coronariana.

Para Pinheiro, recursos como manter uma dieta rica de fibras, como as encontradas no feijão, maçãs, peras e ameixas – pode reduzir a absorção de colesterol na corrente sanguínea. Em contrapartida, deve-se evitar ingerir alimentos com gorduras saturadas e trans, como carnes gordurosas, produtos lácteos e alguns óleos saturados.

iTarget

iTarget